16 de fev de 2012

Café: pesquisa analisa hábitos dos paulistas em relação à bebida

A principal conclusão de um estudo feito recentemente pela APPM – Análise, Pesquisa e Planejamento de Mercado sobre os hábitos dos paulistas em relação ao consumo de café é que os entrevistados tomam muita quantidade da bebida. A Pesquisa que foi realizada no Estado de São Paulo, com 1.000 entrevistados.

Logo pela manhã, na primeira refeição do dia, 69% dos entrevistados consomem café. Destes, 39% tomam café puro e 30% com leite. Além disso, 71% do total dos entrevistados afirmam consumir café a qualquer hora do dia, sendo que 73% deste público são do sexo masculino.

Quando questionados sobre um possível aumento no valor do produto, 78% dos consumidores afirmam que continuariam tomando café da mesma forma. Destes, 53% continuariam consumindo a mesma marca e quantidade; já 24% continuaram fiéis somente à marca, consumindo menos.

A maioria dos consumidores, 58%, assume que o café é um dos maiores inimigos de quem quer parar de fumar, pois ele estimula a vontade de acender um cigarro. Mesmo assim, 83% dos entrevistados tomam café todos os dias, e 66% das pessoas não têm intenção de diminuir a quantidade. A maioria (53%) toma, em média, três xícaras por dia; 9% declararam que chegam a tomar mais de dez xícaras.


Mulheres predominam

Quem compra e decide qual é o produto para se consumir em casa, na maioria das vezes, (51%) é a mulher. Este número é significativo, pois a maioria dos amantes de café (71%) não gosta de tomar a bebida fora de casa, ou seja, em padarias, bares ou restaurantes.

Em relação a vendas, a pesquisa afirma que o Pilão, com 33% dos votos dos entrevistados, é a primeira marca que vem à cabeça dos paulistanos quando o assunto é cafezinho. Em segundo lugar aparece o Três Corações, com 11%, seguido por Mellita (8%) e Caboclo e Pelé, com 4% cada. Para 46% dos entrevistados, a qualidade é um item indispensável na hora de comprar o produto - marca tradicional e de confiança representa 36% das escolhas.


Divulgação

Nenhum comentário: