13 de jul de 2011

Banda Golpe de Estado faz show no Café Aurora

Show comemora os 25 anos de carreira da banda. Considerada umas das mais clássicas bandas de hard rock do Brasil, reúne os músicos: Hélcio Aguirra (guitarra), Nelson Brito (baixo), Dino Linardi (Vocal) e Roby Pontes (bateria)


Foto: Divulgação

Comemorando 25 anos de carreira, a banda Golpe de Estado faz show no dia 15 de julho, sexta-feira, à 1h30, no CAFÉ AURORA. Considerada umas das mais clássicas bandas de Hard Rock do Brasil, reúne em sua formação atual os músicos: Hélcio Aguirra (guitarra), Nelson Brito (baixo), Dino Linardi (Vocal) e Roby Pontes (bateria). Show apresenta canções consagradas e novas músicas da Banda, que também finaliza em estúdio seu oitavo álbum de carreira.

A Banda Golpe de Estado apresenta durante o show canções consagradas de seus sete álbuns lançados, além de novas músicas recém gravadas de seu novo disco. “Atualmente, com nova formação e muito revigorada, a banda vem fazendo shows comemorativos e divulgando essa nova fase”, afirma o vocalista da banda Dino Linardi.

O Set list do show conta com músicas clássicas da banda como: Noite de Balada, Nem Polícia, Nem Bandido, Caso Sério, Libertação Feminina, Sem Ser Vulgar, Onde Há Fumaça, Há Fogo e Filho de Deus, entre outras. Além de músicas do disco novo, que está em fase de mixagem. As músicas antigas são de Hélcio Aguirra e Nelson Britto. As novas são de autoria de Hélcio e Nelson, e dos dois novos integrantes, Dino Linardi e Roby Pontes.

O novo disco da Banda, oitavo da carreira, ainda sem nome, foi gravado no Estúdio Mosh, com 12 composições inéditas feitas pelos integrantes da banda. Reforçando assim o DNA dos discos clássicos e consagrados do Golpe de Estado. Disco está em fase de mixagem e deverá ser lançado no segundo semestre. Álbum conta com participações mais do que especiais, como Dinho Ouro Preto, do Capital Inicial, entre outros convidados.

Neste dia também se apresenta na casa a Banda Fractius Deep Purple Tribute, cover do Deep Purple. Banda, que abre o show do Golpe de Estado, traz no repertório clássicos de todas as épocas do Deep Purple como Burn, Child in Time, Mistreated, Speed King e Perfect Strangers, além do álbum Machine Head na íntegra. Apresenta também os B-SIDES como Ted the Mechanic, Love Conquers All, Cascades, Bloodsucker e Under the Gun, entre outros.

Golpe de Estado: Iniciou sua trajetória em 1985, como independente, realizou inúmeros  shows pelo Brasil nas principais casas de shows, clubes, praças, auditórios, teatros e casas noturnas. Teve e tem suas músicas tocadas em diversas rádios e sucessos como: Noite de Balada, Nem Polícia Nem Bandido, Caso Sério, Não é hora, Paixão, Real Valor e Filho de Deus, entre outros. Cedeu entrevistas para os principais jornais e revistas. Participou de diversos programas de televisão, (Bem Brasil, Programa Livre, Jô Soares, Metrópolis, Jornal da Globo, Sílvia Popovich, Turma da Cultura, Crash Tv, etc.). Foi destaque em muitos festivais e festas de aniversários de rádios. Acumula também em sua carreira abertura de shows internacionais como Deep Purple, Jethro Tull e Nazareth. Teve sua formação inicial com Catalau nos vocais, gravando seus 6 primeiros trabalhos. Em 2000, Kiko Muller assume o vocal da banda e no final de 2004 é lançado o álbum Pra Poder. Os álbuns da banda Golpe de Estado têm participações ilustres como: Rita Lee, Arnaldo Antunes, Branco Melo, André Cristovam, Luiz Carlini e Bocato. Em 2010, Paulo Zinner (bateria) e Kiko Muller (vocal) deixam a banda e o Golpe de Estado ganha os novos integrantes, Dino Linardi (vocal) e Roby Pontes (bateria). Em Maio de 2011, entram em estúdio para gravar o oitavo álbum, no Estúdio Mosh. O disco já está gravado e encontra-se em fase de mixagem e master. http://www.golpedeestado.com.br/

Banda Fractius – Deep Purple Tribute: Formada no final de 2006, em São Paulo, a banda resgata os grandes clássicos de uma das maiores e mais influentes bandas de todo o planeta, o Deep Purple. A banda nasceu do amor de seus integrantes pelo Rock'n Roll e da necessidade de levar ao público um som de qualidade, quando a proposta ainda era de prestar homenagem a diversas bandas do cenário Hard/Metal.

No entanto, os integrantes perceberam a admiração e emoção que o público transmitia quando canções do Purple eram executadas. Assim, considerando também a sua própria admiração pela banda, a Fractius decidiu realizar um trabalho ainda mais sério e prestar um tributo ao Deep Purple. Hoje, com 4 anos de estrada, em seus shows a banda Fractius encanta a todos com seu carisma e profissionalismo, além de se destacar por criar uma mistura dos arranjos originais com o peso e qualidade das versões ao vivo do próprio Purple. http://www.deeppurpletribute.com.br/ 

Café Aurora: Inaugurado em 1988, é considerado uma das casas com música ao vivo mais tradicionais do Bixiga. Localizado na rua mais tradicional do bairro, a famosa Rua Treze de Maio, o Café Aurora é conhecido por todos os amantes do rock. A casa conta com diversos ambientes - bar, pista de dança onde acontecem os shows de música ao vivo, e um espaço mais reservado, com mesas. No subsolo da casa há também mais um palco com bar, onde acontecem shows simultâneos com o palco principal. Assim como outros bares do Bixiga, o Café Aurora explora o ambiente rústico das antigas construções. A infraestrutura do local também abriga um camarim para os músicos, telão, mezzanino para aniversários e chapelaria. O cardápio oferece petiscos, pizzas, esfihas e grande variedade de bebidas.

BANDA GOLPE DE ESTADO – Dia 15 de julho, sexta-feira, à 1h30, no Palco 1. Músicos: Hélcio Aguirra (guitarra), Nelson Brito (baixo), Dino Linardi (Vocal) e Roby Pontes (bateria). Ingressos: R$20,00 (Preço único) e R$15,00 (com o nome na lista). Duração: 100 minutos. Recomendação: 18 anos. Sexta-feira, à 1h30. A casa abre às 22h30.

BANDA Fractius – Deep Purple Tribute – às 24h, no Palco 1. Músicos: Diego Fioroto (Vocal), Renato Estevam (Guitarra), Mário Maia (Bateria), André Mietto (Teclados), Biel Astolfi (Baixo e Backin’ vocals). Ingressos: R$20,00 (Preço único) e R$15,00 (com o nome na lista). Duração: 100 minutos. Recomendação: 18 anos. Sexta-feira, às 24h. A casa abre às 22h30.

CAFÉ AURORA – Rua Treze de Maio, 112 – Bixiga. Capacidade 500 pessoas. Acesso para deficientes. Ar condicionado. O Café Aurora funciona às quintas, às 21h. Sextas e Sábados, às 22h30. Domingos, às 19h. Estacionamento não conveniado ao lado. Aceita todos os cartões. Informações pelo telefone 3129-4266 / 3255-8764 / 7745-2462 / 7745-2461 e pelo site http://www.cafeaurora.com.br/

Nenhum comentário: